domingo, 26 de dezembro de 2010

HELL DE JANEIRO

Aqui estou, digitando do meu note, tá um sol da porra. Minha câmera tá carregando... então logo mais, ou amanhã tem esmalte da semana. E garanto que é o esmalte mais lindo de todos, to apaixonada!

Dois mil e ouse tá chegando e decidi que é hora de mudar algumas atitudes com relação a mim mesma e aos outros. To de saco cheio de confiar em gente merda, que não merece minha confiança e esses serão os primeiros a serem descartados.

Chega, hora de mudar antes que aconteça algo ruim.

Bjs

Chris

twwwiiithean: @denovodezoito
e-mail: denovodezoito@hotmail.com

domingo, 19 de dezembro de 2010

Rodei em duas

Equações diferenciais (a da cola)

e Cálculo 3

mas ninguém passou nessas quase então tá tudo bem tá tudo certo eu não sou tão burra assim.

E hoje ninguém quis sair pra comemorar minha reprovação, odeio todo mundo.


Beijos me liga.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

A Última

AMANHÃ É A ÚLTIMA PROVA

férias, enfim...

e o esmalte da semana logo voltará eu juro, é que minhas unhas estão mt cotocos, to com vergonha hauhuha.


KISS

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Desistir

Hoje foi um dia que terminou mal, algo que nunca tinha me acontecido ocorreu. Estou nas provas finais e num nível de estresse que simplesmente não consigo absorver quase nada mais de conhecimento. Talvez pouca gente na Terra consiga sobreviver há quase 15 dias seguidos de provas. Hoje era uma prova relativamente simples mas com muitos passos "decorebas" e admito que nessas alturas da vida não estou mais em condições fisicas nem mentais de decorar nada. Resolvi usar um papelzinho. De vez enquando uso mesmo, muitas vezes é mais pra conferir o que estou fazendo do que pra cópia pura e simples.

Hoje fui pega. Nunca tinha me acontecido isso na vida. Não sou a mestra da cola, mas sou discreta. E ser pega numa final, é reprovação na certa. Foi o que aconteceu. Se eu somar o que eu tinha feito na prova de fato, sem o papel, faltaria pouco pra nota que eu precisava, que não era muita. Voltei pra casa desolada, obviamente não disse e nem direi ao meu pai o que realmente houve. Simplesmente não consegui a pronto. Prefiro ser burra a ser uma coladeira.

Estou chorando sem parar tem bem umas três horas. Raiva de mim mesma. Hoje pensei seriamente se não é hora de largar o estágio e ficar uns 6 meses só me dedicando a faculdade. Não sei o que fazer. Todos os dias é uma provação diferente, sou eu contra mim mesma, com o cérebro atrofiado. Tem horas que dá vontade de desistir de tudo, jogar tudo pro alto e ficar em casa esperando a vida passar. Simplesmente não aguento. Não me reconheço. Fazer Engenharia é me sentir burra 95% do tempo. Não que o Design seja um curso fácil, poucas pessoas no mundo são realmente criativas de verdade. Ser criativa para mim era tão simples, tão simples, era muito trabalho braçal e estético, FATO, mas muito mais simples. Estou morrendo, morrendo de verdade, em pedaços. Estou sentindo que estou morrendo, só não sei qual parte de mim mesma que é.

Não aguento mais,  simplesmente não sei se posso.

Quero desistir. De tudo. Tudo.

twitter:@denovodezoito

Chris






segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Livre

Ontem eu me peguei escutando uma música...
aquela "se você fosse um sonho, eu não acordava", etc, etc do Frejat.

Daí que eu fiquei bem lok do cu e quis transcrever essa música pra pessoa de sempre, o maldito cidadão que me atormentou durante 2010 inteiro e vocês tiveram a CORAAAGE de acompanhar comégo. Sou melhor que Passione, eu sei, bricat zents, (mas ainda quero saber quem matou o Saulo). Se eu pudesse mandava uma caixinha de Cereser pra cada um de vocês sou mt phyna.

Então, sei lá. Enquanto escrevia fiquei pensando "acho que nem gosto dele tanto assim". Parei de transcrever a musica pela metade e ela ficou lá no meu caderno. É... eu acho que você me perdeu e me perdeu de verdade. Não senti sua falta durante o fim de semana, não senti falta de fazer o que mais gosto: enfiar a mão nos seus cabelos escuros e apertar sua nuca.  Daí que perdeu a graça e agora perdeu a graça mesmo. Não sinto mais aquele amor na mesma intensidade. Na verdade, estou meio oca de sentimentos por qualquer cidadão vivente.

Daí que não estou só livre de você, mas estou livre da stalker chata que não me deixa em paz desde abril de 2009. Uma boa parte disso é culpa minha. Não, eu não quero mais saber o que o meu ex fez ou deixou de fazer. Eu não quero mais saber e nem fazer parte da vida dele ainda que indiretamente. Te deletei da minha vida, garota. Pra sempre, sem dor no coração. Chega. Eu não entendo qual é a graça de acompanhar a vida de pessoas que nem sequer ligam pra sua existência...

To tão livre que até me dei o presente de roer todas as unhas, PORQUE EU QUIS, este final de semana - não tem esmalte essa semana.

E então vem a lista pra 2011:

1 - voltar pra academia
2 - pôr meu silicone (agora vai!)
3 - ser reconhecida pelo meu trabalho (ainda sou reconhecida por ser bonitinha e simpática ¬¬)
4 - fazer o que a minha amiga da faculdade, 19 anos de sabedoria me disse esse findie: PENSAR EM MIM. Porque se eu não pensar em mim ninguém vai pensar, tá, Craudete! (Amo vc).

e só.

tweeet: @denovodezoito

Christina

domingo, 5 de dezembro de 2010

Maquiagem

Pois então este findie estava na casa de mamys, e ela está com O kit de sombras mais massa que já vi na vida, e que eu simplesmente QUERO um igual.

Á primeira vista parece porcariazinha P&W da vida (nada contra, já me salvou N vezes na hora da morte das maquiage). Mas este é especial, ela ganhou da minha irmã (bem chata que não me trouxe um) mas não soube dizer daonde veio.

Vejam as fotos e sintam do que estou falando.

É foto do celular, estou de cara de não ter levado a máquina...


                                                        Olhando assim parece mó paia...

                                                     Daí vc abre e TCHARAAAAAAAAAM


                          E sim, vem duas bandejas de sombras, com cores diferentes, essa ainda tava no plástico


                                           A pigmentação é excelente, só tem pinta de sombra porcaria...

Daí que estou mega invejando esse kit de sombras.

E enfim, vou sumir até o dia 17, provas e mais provas =~


ah, gente, não sou de responder comentários, porque tenho preguiça, admito. Mas leio todos com muito muito carinho, e fico feliz de ter gente que nunca vi na vida acompanhando meus dramas, lendo, me apoiando, se identificando. Adoro vocês de verdade!

Christina

twwwiiiiit: @denovodezoito






segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Esmalte da semana: Hits - Biquini + Reflexos Violetas - Colorama

Ai gente...

Juro que não gostei dessa, cor. Talvez seja falta de costume de usar azul, mas sério mesmo, achei horrível. Achei cor de caneta BIC, achei cor de guriazinha revoltada da sétima série que põe uma unha azul só pra apanhar quando chegar em casa...

Passei com os Reflexos por cima pra ver se melhorava, ficou mais discretinho, mas mesmo assim não ganhou meu coração. Só vou ficar com ela nas unhas porque PAGUEI né, pra fazer.

Clica na foto que amplia!




BJOS E BOA SEMANA!

Christina

twitter: @denovodezoito

domingo, 28 de novembro de 2010

Esqueci o título que ia pôr aqui

Pois é, tô desleixada com esse blog né, eu já sei.

É que semana que vem começam minhas provas e tive tanto trabalho pra entregar e aconteceu tanta coisa nesse meio tempo que deixei os leitores pra lá =(. Não quero isso! Gosto tanto de escrever aqui!

E os 27 anos - quase 30 - e tudo que aconteceu essa semana lá no estágio só me provaram que ainda sou imatura. Gente, meu único emprego sério foi quando trabalhei com a minha mãe na loja, logo após a formatura de Design... uns meses de Hering e Zara não dá pra chamar de emprego sério.

Daí que eu sempre me senti meio líder das coisas, extremamente persuasiva, uma coisa meio Eva Perón (sou modesta). Minha vida sempre foi sorrir que nem um desses gatinhos fofos, e ter o que eu queria. Bem, ainda funciona em 75% dos casos, mas estou começando a traumatizar quando os outros 25% dos casos que não dá pra sorrir aparecem. Tem horas que tenho que admitir pra mim mesma que eu me recuso a crescer, mais porque me cago de medo de tomar certas atitudes do que por qualquer outra coisa.

O que é engraçado! Porque em N situações eu realmente sou a dona do barraco, a mulata da favela que samba loucamente bem alok, dona do negão e de tudo mais. DEUS EU QUERIA SER ASSIM SEMPRE OK!

E, pra ajudar, este mês eu parei de tomar meu anticoncepcional, porque sou uma imbecil que toma tudo errado, daí tive que esperar ficar mocinha naturalmente pra começar uma nova cartela, tetesto, daí que eu em 8 anos nunca mais soube o que eram cólicas e TPM, e nessa semana que eu PRECISAVA segurar as pontas como uma garota de quase 30, me escabelei como uma de 13 anos e meio sem nem saber porque. Daí quando veio (argh, que assunto!) eu entendi o porque de tanto caos na vida da senhora Chris.  Agora to aqui, ryca, e calma, ai ai francamente...

amanhã tem esmalte da semana!

twiiit: @denovodezoito

kiss


Christina

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

esmalte da semana: Canoa - Impala

Já falei: sou só amor pelos esmaltes da Impala, passei sábado, já é quase quinta e saiu uma lasquinha MÍNIMA em só um dedo.

Admito que essa cor, Canoa, não tem nada de especial, é só mais um vermelho dentre tantos vermelhos, não é assim Ó QUE COR MAIS PHODA, mas fazia tempo que não passava um vermelho comum, gostei bastante, achei que ficou chic.

Hoje consegui algo que há tempos não rolava:
Fui na Americanas porque minha pinça de sobrancelha sumiu (acho que ficou na casa do Victor, deixei tipo, minha necessaire, minha VIDA lá, e ele mora a umas 8 quadras e eu to com muita pregui de ir lá buscar) e enfim, COLEÇÕES DA IMPALA EM PACOTES FOFOS E FECHADOS ain ain ain QUE-RO. E... fiquei querendo! Não comprei NENHUM VIDRO DE ESMALTE AEEEEEEEEEEEEEEEE.

Mas vamos às fotos:



twitter: @denovodezoito
e-mail: denovodezoito@hotmail.com


Chris

That's alright, because I love the way you lie

Acho que estou fadigada. Espiritualmente. Cansada de ser extremista, de vomitar a alma e todos os sentimentos possíveis pra quem eu realmente gosto. A vida era mais fácil - porém não menos dolorosa - quando tudo que eu sabia fazer era esconder minha vida do mundo, acenar e sorrir. Ainda aceno e sorrio, porém com a consciência de que sou verdadeira. Não pratico a auto-traição. Tenho pavor de viver na zona de conforto, sem riscos. Me arrependo quando não ouso, esses dias minha chefe disse: Juliana, ouse, você pode ousar, você deve ousar.

E então eu ouso.

Ouso dizer que não fiz absolutamente nada de errado, que não se pode escolher de quem se gosta, e que dei o que pude - e o que não pude - e me mostrei mais do que devia a alguém que simplesmente acaba se focando no irrelevante, no toque final, ao invés de se focar no conteúdo de fato.

O fato é: estou desapontada. Não estou magoada, nem triste, nem nada. Desapontada é a melhor palavra. Eu queria um abraço pelas costas, dizendo: eu sou mesmo um estúpido e tudo que deveríamos fazer de nossas vidas era ficarmos juntos. E tudo que recebo é: por favor venha pegar uma parte do seu presente de volta, porque você me agride com isso.

ÔLOCO MEU, ISSO É PROVOCASSAUN OU NUM É CAÇULA?

Mas o lance foi legal, Arnaldo? Isso pode? Não é impedimento?
Olha Galvão, tá com cara de impedimento isso ae, vamos rever no replay:

por favor venha pegar uma parte do seu presente de volta, porque você me agride com isso.


Na boa, NA BOA.

Eu sou muito Coco Chanel pra sua lojinha de departamentos. MAS MUITO, MUITO MESMO.

Até acho que fiz uma comparação excelente, porque enquanto eu sou única, enquanto meu amor é único, porque eu sou um pessoa de verdade, uma pessoa fora da bolha, você diz gostar tanto tanto da sua vida tão coberta de poliéster, tão esgarçada como uma entretela de gola de segunda linha, se você gosta tanto, porque vira e mexe você acaba vindo atrás do que é real, do que é imprevisível, do que te tira do sério?

PORQUE?

e a pessoa grita na janela do carro do lado da nossa É, PORQUE?

Quem nasceu pra ser C&A nunca será Coco Chanel, e tenho dito!

twitter: @denovodezoito

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

De saco cheio - Feliz (Des)aniversário pra Mim

Hoje é meu aniversário e não tenho muita coisa pra comemorar dos meus 27 anos de existência.

Estou de saco cheio de certas cobranças que às vezes até eu mesma me faço. Odeio as pessoas perguntando: mas tão linda e não tem namorado? Quando você vai se casar? Mas você já tem quase 30, as mulheres devem ter filhos jovens, até os 32 no máximo!

E se eu não gostar de crianças o suficiente pra ter filhos (não gosto, acho bonitinho, maciozinho, delicioso, mas não acho que goste de ter uma por perto mamando e gorfando 24h do meu dia)? E se eu me cagar de medo de engravidar e ficar com um quadril mais enorme do que já possuo? E se eu não estiver com vontade de me casar agora? De boa, não vou arrumar um namorado desesperada só porque as pessoas acham que eu devo ter namorado. Antes só do que mal acompanhada!

Acho que vou ser tipo a Miranda Priestly, aliás, já estou conformada que as chances de eu não casar são grandes. Não estou afim de ninguém no momento, e de quem eu estava realmente afim, bom, tem muita coisa na frente que impede a gente de ficar junto (acho frouxidão da parte dele, mas beleza, desisto de julgar e insistir). Sinceramente? Ando amarga. Acho que ninguém vale o sacrifício de ter o meu amor e a minha fidelidade - eu realmente ACHO que fidelidade é sim um sacrifício, um sacrifício que se faz com prazer quando se ama de verdade, e eu pratico quando amo, falo sério - no momento.

Que saco, porque as pessoas cobram tanto as mulheres? No momento, não vou mentir, o que me interessa mais do que um homem do lado e crianças correndo, é meu sucesso profissional, que eu busco desde o dia que peguei meu diploma de bacharel em Design. Estou praticamente na metade do curso de Engenharia e não vou parar de estudar nunca, porque depois da Engenharia vai vir a pós em alguma coisa na área têxtil - meu sonho. E se eu quiser ser uma executiva de sucesso e deixar pra ter filhos depois dos 35, supondo que essa geração vai viver mais de 100 anos - e vamos, vocês sabem - não acho que seja mega tarde como algumas mulheres pregam e ME COBRAM.

Enfim, chega de chororô, minha mãe me convidou pra ir num BOTECO com ela mais tarde, tomar umas - palavras dela -  onde esse mundo vai parar? Hahahaha.

FELIZ DESANIVERSÁRIO PRA MIM.

twitter: @denovodezoito
e-mail: denovodezoito@hotmail.com


kiss


domingo, 14 de novembro de 2010

Esmalte da semana (passada) - Impala L'amore

Gente, semana passada comemorei antecipadamente meu aniversário - que oficialmente é amanhã - não deu pra tirar foto e pôr no blog, rs.

Mas hoje vai!

Sou só amor por essa cor LINDA da Impala, que muda de cor puxando pro vermelho, rosa e até roxo, conforme a luz... não reparem na minha mão mega ressecada, mas enfim, eu decidi ser engenheira e taco a mão na massa mesmo, admito que tenho uma certa preguiça de ficar hidratando mão e cutícula. Mantenho as unhas feitas pra não roer as unhas mesmo.

Vejam a diferença das cores conforme a luz, hehe.





amei muito!

Beijos e bom domingo!

twitter: @denovodezoito
e-mail: denovodezoito@hotmail.com

Chris

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

detalhes estampados do nosso amor

em preto e branco, pregados na parede...




~ o beijo na bochecha na hora de ir pra casa

~ as unhas cor de leite, doloridas de tanto roer (as minhas sangravam, mas agora eu parei cas dorga).

~ a eterna maldição das panturrilhas enormes (cuidado, tem gente pegando a sua mania dos dedos nas panturrilhas, hohohoh).

~ você, fugindo de mim, porque morre de medo de dizer... sim.

e tem tanta, tanta coisa.

Mas o vídeo resume bem, tudo, eu acho.
Sério, o Lobão sempre diz o que estou pensando, incrivel, hahaha.


=)

twitter: @denovodezoito
e-mil:denovodezoito@hotmail.com

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Esmalte da semana: Nude clássico - Impala + Reflexos Violetas - Colorama

Confesso que comprei este nude na louca, não gosto de nude, gosto de rosa e vermelho, mas como na mão dos outros fica elegante, resolvi experimentar.

Não postei ontem porque a OI é muito legal e me deixou sem internet e estou aqui postando de uma lan house. E não vou mais no show do Paul, mas ao menos ganharei um notebook de aniversário.

Voltando aos esmaltes: adorei a combinação nude + reflexos violetas. Ficou uma coisa rica, phyna, assim, meio Chanel.

Vamos às fotos!



E vcs o que acharam?

twitter: @denovodezoito

bjos e boa segunda!

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Minha paixão por sapatos

Ontem, eu , insone - estava ansiosa para o dia de hoje, admito - uma e meia da manhã resolvo fazer uma limpa... nos meus sapatos!

Minha máquina não funciona bem à noite (cybershot my ass), relevem a qualidade das fotos.

Intão gata, pega sua tacinha elegante de Cereser e veeeeeem comééégo (*by katylene) nesse passeio sapatístico.

1) Sapatilha de bolinhas

Comprei esse sapato em 2004, num cestão de calçados últimos pares. R$ 19,90, número 35.  Usei MUITO, pra sair na balaids, pra andar no shops, pra ir pra aula de Design... cheguei a sonhar uma vez que tinham  lavado ele e as bolinhas tinham sumido. Talvez isso explique esse encardume (not). Doeu tirar ele do armário pra sempre, mas não vou usar mais. De tão velho o sapatinho que me acompanhou por quase 6 anos começou a craquelar - clica na foto que aumenta - mas por R$19,90 os bons momentos valeram!

vou mimbora pra Pasárgada


2) Sandália Anabela de Verniz

Olha, não sei como e porque essa sandália parou no meu armário. Acho que foi presente de mamãe. Usei 4x. Não se engane por sua aparência confortável, ELA MACHUCA.

Machucava, né, porque arrebentou e tals. E essa não tem tanto assim meu amor pra valer a ida ao sapateiro, me desfiz sem dó.

                                                          E era difícil combinar isso ae, tb.


 3) sapato estranho e MARRÃO.

Não quero perguntas sobre onde eu estava com a cabeça quando comprei isso.
Grata.

                                                     Pelamor néam gente, a cara da cafonice.

4) Sapato de oncinha Dumond

Fia, esse eu comprei num achado lindo da Cavezalle e me custou módicos 50tãos. Tem 3 ou 4 anos e nunca usei, NUNCA. Tem até a etiqueta colada embaixo. Adoro como a estampa de onça dele BRILLAAAAANNNN e enfim, quando o bico quadrado voltar a moda eu uso, ok.

                                                                   a cara da riqueza!
5) Melissas

Quem me conhece sabe que eu coleciono, porém estas duas já não davam mais. Nem tenho coragem de fazer troquinha com outras melisseiras. A rendada chega a estar fosca de tanto que usei, e a do Pequeno Príncipe, bom, a foto fala por sí só.

 Foi mt legal passear com vc, Tchia Jules! Sentiremos saudades!


                                                     Essa deu pena de me desfazer, sério.
                          Logo vai virar item de colecionadora e vou me arrepender de ter feito isso.

6) Scarpin sapatilha verde

Sou só amor por esse sapato, bico fino não está mais mega na moda, mas admito que me diverti muito com meu verdinho no James e Wonka da vida, juntamente com um shortinho curto e uma camiseta detonadíssima. Não terei coragem de me desfazer nem com esse bico já porco de tanto usar. Espero que o sapateiro dê jeito.


                                                                   Aventuteiros do James!

7) Chanel antigão da mamãe

Esse sapato também tem muitas muitas histórias. Minha mãe ia jogar essa linda peça vintage fora, de couro legítimo. Catei já dentro da sacola e salvei-o do lixão. O salto dele tem ferro dentro, acho lindo, acho uma arma branca, acho luxuoso. O barulhinho dele no chão é duma sonoridade ímpar.

O salto já está um lixo, muitos anos de Jokers, James, Wonka, Retrô (saudades), e muitas calçadas.

Não me desfaço!

                                             Tudo que é luscho glamouuur e transcende o zeczo.

8) Melissa por Karin Rashid

Acho que errei o nome do designer, alguma melisseira me corrige aí, plix. Ganhei de formatura quando virei desáinearr. Isso tem uns 5 anos já (Meu Deus). Conforto só, linda, acho um escândalo. Quando ganhei ninguém tinha, dourada então era muito VIP, viu, pelo menos aqui em Curitiba.Uns dois ano atrás relançaram, quase comprei a preta.


                                                                           AHAZÔ

8) Minha nova aquisição

Comprei ontem essa belezoca da Cravo e Canela.
Uma tchutchuqueza.


 9) Loucurinhas do Saara

Fia, não é todo dia que vc está na Cidade Maravilhosa e acha uma loja de calçados que é um desbunde assim, NO MEIO DA CIDADE ok.

Toda vez que vou lá, quatro caixas são de lei. Comprei um sapato de bico redondo cósamáslindadedeus por ridículos 39 reais. Claro que tem umas cagaids que você pega no impulso, tipo isso ae que tá encostado no meu armário tem uns 3 anos e nunca foram dar uma voltinha na calçada améga de Curitiba.

Se pegar no olho, cega, hein, colega... isso que eu chamo de bico phyno.

E sim, o nome da loja é Stylus caso alguém queira ir lá. Fikdik.




é isso gente, boa noite.

TWITTER: @jules_at_play
e-mail: denovodezoito@hotmail.com

Jules


quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Tresloucada e deslocada

É claro que somos os melhores amigos do mundo, duma cumplicidade ímpar. Já o odiei muitas vezes e já o adorei outras tantas, mas o fato é que não quero falar sobre nós, nem sobre o porta moedas que me lembrou os mistos quentes que minha irmã fez uma ou duas vezes quando éramos cúmplices eternas. Quase pude sentir o cheiro do pão tostado, e estou chorando de verdade de lembrar coisas sobre eu e ela que me doem lembrar. Não ter ela aqui comigo, como sempre foi nos últimos 25 anos, é como se tivessem arrancado um pedaço da minha pele.

Nunca gostei de lhe emprestar sapatos, porque ela pisa torto, ela perde o taquinho dos saltos, ela tem chulé. Sempre emprestei com um sorriso no rosto. Ela me pedia dicas de maquiagem quando ia sair e eu ficava ao lado dela, 14 anos, espinhas na cara, olhando tudo. Não adianta, eu sempre fui colorida e estética. Ela nunca teve coordenação com os pincéis de sombra. Nunca gostou de nada sobre História e Geografia. Se enfiou embaixo da toalha de mesa num jantar elegante, porque "meu Deus, são muitos talheres, eu não sei por onde começar!", enquanto eu dizia, "é de fora pra dentro, de fora pra dentro!".

Ela sempre me trouxe presentes exóticos. Um deles foi um bolero de veludo molhado, usado 5X. "Foi a coisa mais ridícula que encontrei na viagem. Se é ridículo vai ficar incrivelmente moderno e fashionista em você, não sei como que pode...". Ela é muito clássica, e como é, vamos dizer assim, voluptuosa - TIRA O ZÓIO DA MINHA IRMÃ, SEU MANÉ - não fica bem com metade das roupas fashionistas e esquisitóides que eu uso pra sair. Tipo camiseta do Mickey detonada + saia jeans + sapato de salto 12 listrado. Não, nunca. Ela é como... como Elle Woods, excessivamente cor de rosa e adorável. Com um quê de Valesca Popozuda, mas assim, um quêzinho de nada mesmo, só pra dar um charme (Valesca é ÍDALA e quem discorda merece morrer empalado).

Não entendo porque uma droga de porta-moedas me deprimiu tanto hoje à tarde. Triangular, me lembrou na hora o tal misto quente.  De todas as brigas por causa do computador, resolvidas quando instalaram um PC no meu quarto. Do único homem que ousamos dividir alguns dias. De como me faz falta. Em quase dois anos, nunca ousei chorar por isso. Sou forte. Não é que ela mereça. E então eu choro porque nunca tive o mesmo brilho, as mesmas sardas, a mesma sorte (E daí ela vai dizer a mesma coisa sobre mim, só que sem as sardas, talvez ela coloque um: "usar roupas ridículas sem ficar ridícula" no lugar).

E daí que é por isso, tudo por causa de um maldito porta-moedas cafona de couro sintético, que eu estou assim, assim, sem um pedaço.

Porque ela e simplesmente a pessoa que eu mais amo no mundo todo, sempre fiz questão de esbravejar isso pra quem quisesse ouvir, desde que entendi que alguém que teve a pachorra de escolher meu nome no lugar da minha mãe, sendo apenas um toquinho magricelo de oito anos merece muito mais do que todo o dinheiro do mundo pode dar. Não sei nem dizer o que ela merece de verdade. Não cabe num texto, nunca caberá. NUNCA.

E também estou triste poque tenho uns 30 anos a menos que a Maitê Proença e ela tá melhor de corpo que eu.

Pronto falei.

Acho que isso responde sua pergunta, meu querido.

twitter: denovodezoito

Christina


terça-feira, 26 de outubro de 2010

Me beija primeiro, pergunta depois, idiota.



é nois.  Tudo nosso, uhu (piada interna).
até não sei quando.

;)

Prometo parecer grande. Ou não. Nem hoje nem nunca.

twitter: @denovodezoito
e-mail: denovodezoito@hotmail.com

Chris

O bebê do papai

A parte chata de ainda ganhar como estagiária e estar na faculdade a esta altura da vida é depender do meu pai financeiramente pra muita coisa.

Meu pai me deu um sermão de 15min sobre como ele não concorda e não quer que eu vá ao show do Paul McCartney em São Paulo, dia 21 de novembro - já comprei o ingresso e meu cartão estourou, achei que ele fosse me cobrir na maior paz, afinal é UM BEATLE, É TIPO O PAUL, SACA. Não...

_ Você nem mesmo tem um CD do Paul, eu acho muito arriscado você ir até São Paulo, numa excursão, pode ter todo tipo de gente na van, desde ladrões (ladrões pagam 130 reais pra ir numa excursão), traficantes, pessoas cabeludas (se fossem carecas, tudo bem).

_Pai tem tipo, uns 10 anos que eu não compro um CD! E é só uma van, não tem como não ser seguro!

_ Eu preferia ir com você ao shopping no seu aniversário como fazemos todos os anos, não sei porque você quer "isto" como presente de aniversário, podemos comprar uns 5 pares de sapatos novos com esse dinheiro. Muitas bolsas!

_ ¬¬ quero ir no Paul.

_ Mas São Paulo é longe, tem tiroteio.

_ Eu já fui pra São Paulo 800X vezes sozinha, andei de metrô, fiquei em casas de pessoas que você sequer sabia da existência. PESSOAS DO ORKUT. Nada pode ser mais inseguro que isso.

_ ESTOU DIZENDO QUE VOCÊ É LOUCA, CASA DE PESSOAS DO ORKUT! Um dia ainda morre numa dessas e como que eu fico me diz!

_ Você falou com essas pessoas no telefone. Te dei o endereço e o telefone residencial de todas elas.

_ Você pode morrer na estrada, pode tombar a van.

_ Posso morrer hoje mesmo, de infarto, dormindo, depois das 18 bolinhas de queijo que comi no domingo.

_ Eu ia pagar seu ano novo no Rio de Janeiro!

_ Posso morrer no tiroteio do Rio de Janeiro!

_ Por mim você não vai... e revende esse ingresso, pronto!

¬¬

eu tenho menos de 4h pra convencê-lo senão perco a excursão.

Odeio a minha vida, sério, rs. Choro litros.


twitter: @denovodezoito

domingo, 24 de outubro de 2010

Esmalte da Semana: Rosa Floral, Colorama e Reflexos Violetas, Colorama

Há séculos não passava esmalte da Colorama, fiquei bem feliz com o resultado colorístico. O Rosa Floral é lindo sozinho, achei que com o Reflexos Violetas ficou ainda melhor. Deu um up, ficou rico e elegante. Precisei de 3 camadas pra cobrir o branquinho da unha. Não achei ruim pois o esmalte é fininho, não ficou com uma aparência grosseira, nem mesmo com os Reflexos por cima.





Só fiquei triste por uma coisa: deu bolinha em alguns dedos e nem o top coat da Jordana resolveu...
Vamos ver se vai durar batante nas unhas, acredito que sim, nunca tive muitos problemas com a Colorama, só com o única camada que é um lixo, não durou nem 24h nas minhas unhas e eu peguei um mega trauma hahahahaha.


Bjos e bom domingo

Christina

twitter: @denovodezoito
e-mail:denovodezoito@hotmail.com

domingo, 17 de outubro de 2010

Esmalte da semana: Hits 346

Tentei postar ontem mas a máquina estava sem bateria, fui numa formatura e enfim, não deu tempo de nada hehe.

Mas aí está o esmalte que estou usando essa semana, o Hits 346. Vamos às fotos!

Clica na foto, que aumenta, hehe.

Gostei muito desse esmalte, cobertura excelente - Ana, a moça que faz as minhas unhas aprovou. Ela passou uma camada de base da Jordana (recomendadíssima, minhas unhas nunca mais quebraram depois que ela começou a passar essa base fortalecedora, e olha que sou ex-roedora de unhas, ou seja qualquer batida errada, quebra tudo), duas do Hits e uma camada de extra brilho da Jordana - este extra brilho é meu novo amor, comprei um pra mim, vale os R$6,90. Se bem que nem era mega necessário porque o esmalte tem um brilho bom, eu que sou chata e gosto do esmalte "brillando muinnnto" nu Curintia.

Hoje reparei que minha mão é feia pra caralho e denuncia o que o rosto não denuncia ainda: minha idade.


Achei que a cor lembra muito o Quinta Avenida, da Colorama, ou seja , não é um vermelho puxando pro rosa mega indispensável. Só que esse da Hits é mais vermelho do que o Quinta Avenida. Ficou uma cor meio madame, adorei!

Essa semana vou dar um jeito de ir numa lujinha que a Ana me recomendou: a Marinho, que fica no centro de Curitiba, na Westphalen. Diz ela que lá tem de tudo, Hits de todas as cores, Big Universo, Ludurana e mais outras marcas que a gente não encontra em lojinhas normais. Então já fica a dica pra quem é de Curitiba e gosta de esmaltes, tem nessa loja aí!

É isso meninas, beijos bom domingo!

Twitter: @denovodezoito

Bjoks

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

reticências, ponto final



Prometo que é a última vez que escrevo sobre esta pessoa no blog. Não estou prometendo só para os poucos leitores que tenho, mas pra mim mesma. Cansei de amores incompletos.

Desculpe, eu não vou me sentir culpada. Não tenho culpa de ter sido 100% do tempo verdadeira. Nunca cobrei nada demais, apenas cobrei algum tempo disponível e isso infelizmente você não me deu. Não culpe por algo que você não se esforçou.

Depois mudei de tática, eu estava disposta a deixar tudo do jeito que estava, a ser só uma coisa casual, etc etc. Mesmo assim, nada de tempo disponível. Nem cinco minutos.  Depois parti pra agressão verbal. O único jeito de ter uma resposta. Preferia sua raiva ao nada. Sua raiva às tardes geladas para o abraço na camisa de gola desbeiçada pela manhã. A glória do nosso amor.

Não quero ser pouco modesta, porque só vou repetir aqui palavras suas. Eu já estou na sua história. Acredito sim que te mostrei coisas que ninguém nunca vai te mostrar. Questionei você sobre coisas inquestionáveis. Consegui o seu máximo. De amor (talvez uma interrogação caiba aqui). De raiva (ódio, uma palavra que não uso). Parafraseando Alice: eu poderia ter te amado pra sempre.

No entanto, você se esforçou apenas para ser mais um.

Eu não te amo mais. Desde agora. Adeus.



twitter:@jules_at_play
e-mail:denovodezoito@hotmail.com

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Feliz dia das Crianças... mas que crianças?

Estou indignada após ver este vídeo. Sinceramente não sei se quero ter filhos depois de ver isso.


Vi este vídeo no blog "Esmaltes da Ana", só pra constar os créditos.

Enfim, acho um abuso meninas tão novas dizendo que tem inveja da Juliana Paes, que preferem ver TV a brincar. Tenho medo de ter filhos não pela educação que vou dar a eles, mas o medo de deixá-los ir à escola e se influenciarem por este tipo de criança. Estou chocada em saber que 80% das compras de uma casa é decidida pelos pequenos. Na minha época - sou velha, tenho 26 anos - eu nem ia no mercado junto com a minha mãe e se fosse, não ganhava nada, nem se implorasse. No máximo uma barra de chocolate, e olhe lá. Salgadinho depois de um tempo admito que fiquei IXPERRTA e comecei a pegar eu mesma, mas no geral quem decidia se eu podia comer ou não era minha mãe.

Ninguém aqui é hipócrita, todo mundo sabe que criança e adolescente sabe ser bem cruel SIM! Eu mesma cansei de ser hostilizada no Ensino Médio porque minha mãe não me deixava sair por aí com calça cintura baixa, porque tinha espinhas, porque era um absurdo não ser a gostosona da classe e ainda ter  a cara de pau de repetir roupa. E isso em 1998, 1999. Fico pensando o lixo que devem estar as escolas hoje.

Ganhei minha primeira calça de grife aos 15 anos, mas só porque era meu aniversário, meu primeiro salto - se é que dá pra chamar 4cm de salto - também aos 15. E ficou por isso. Na minha casa se a gente quisesse roupa tínhamos que nos contentar com Renner e C&A e nem era pela falta de dinheiro, mas sim porque minha mãe achava um absurdo dar 400 dinheiros numa calça pra alguém de 15, 16 anos que nem terminou de se desenvolver ainda.

Na época achava ridículo minha mãe pensar assim. Afinal toda a minha classe tinha roupas de marca. A primeira vez que fui ao salão fazer as unhas, também tinha 15 anos. Nunca tinham mexido nas minhas cutículas. Pintar o cabelo? Vocês vão rir: fiz minhas primeiras luzes em abril deste ano.

Hoje eu agradeço a minha mãe por ter arrancado o esmalte azul das minhas unhas na sexta série, por não ter deixado eu sair por aí com calça tão baixa mostrando a piriquita - hoje a maioria das garotas que conheço tem duas cinturas. Eu não tenho. Valeu mãe! Você me deixou ser CRIANÇA até o final da infância.

Esses tempos vi uma cena que me deixou nude: estava no shopping estação e vi uma menina de uns 12, 13 anos no máximo, COM OS PAIS - que fique bem claro - usando uma dessas calças justas que imitam couro, marcando o já aparente bumbum,  um saltão imenso, maquiagem, as unhas enormes. Depois, uma mini bisca dessas aparece grávida em casa e os pais ficam se perguntando aonde erraram.

Aliás isso me lembra outra cena que vivi: minha mãe tinha uma loja de gestantes, e entrou uma senhora com a filha, que também deveria ter no máximo 14 anos. Olharam todas as roupas e a senhora falou:

_Mas essas roupas são todas de velha! Não tem nada pra idade da minha filha aqui?

Fiquei quieta, mas minha vontade foi responder:

_Bom, as fábricas que fazem essas roupas imaginam que meninas de 14 anos mal largaram as Barbies e não que estão dando por aí e engravidando, sabia? Quem está errado aqui?

Enfim, fica a reflexão.

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS

ou do que restou delas.

twitter: @denovodezoito

Christina


sábado, 9 de outubro de 2010

Esmalte da Semana: Hits 209 e Cintura Baixa - Risqué

Gente, vamos começar a organizar esse blog por colunas, que tal hehe.

A coluna de estréia, claro, é a mnha grande paixão! Esmaltes, e mais mais mais maisssssssss esmaltes!

Sou roedora de unha desde que me conheço por gente, a maneira que encontrei de reduzir o estrago foi começar a fazer as unhas toda semana... infelizmente não consigo ficar sem tirar as cutículas, apesar do mundo todo dizer que não pode. Vou tentar, ver se consigo hidratar as cutículas e coisa e tal.

Mas vamos ao que interessa, as cores!

Hoje fiz a mão e o pé. Estava convencida a usar o HITS 209 que peguei emprestado da Larissa, outra esmaltólotra que nem eu. Eis que cheguei lá e a Ana, minha manicure querida - e louca por esmaltes - sabendo que eu amo cor-de-rosa me convenceu a usar o Cintura Baixa, da coleção Pop 4 You - Risqué.

Então passei o Hits nos pés.

Vamos às fotos!



Uma camada de base Jordana, duas de Cintura Baixa e uma camada do extra brilho da Avon. Gostei muito desse esmalte, no geral não tenho problemas com a Risqué. Mas o branquinho da unha ficou aparecendo mesmo com duas camadas, me arrependi de não pedir pra Ana por mais uma camada. Sou só amor por esse rosa, é super lindo, berrante e neon e não consegui uma foto sequer que ficasse fiel, tentei.


 Hits 209 nos pés, ficou muito bom, ótima cobertura. Duas camadas. É um coral lindo, a cor ficou bem fiel na foto.

 Mão e pés juntinhos, haha. A combinação não ficou muito boa.


Nessa foto o rosa ficou mais fiel. Mas mesmo assim, de perto é muito mais lindo.
O mundo que me desculpe mas eu gosto de unha quadradona mesmo. Tentei lixar redondo, achei que ficou horrível, não combina comigo, apesar de estar na moda. E na próxima semana vou cortá-las, senão já fica nojento.

Então é isso, meninos e meninas, bom feriado! Espero que gostem dessa coluna fixa hehe.

twitter: @denovodezoito



Christina



domingo, 26 de setembro de 2010

Permitindo se deixar amar

Odeio permitir que as pessoas me amem.

Sempre fui muito intensa, sempre fui de amar demais.  Nenhum dos meus namorados foram homens pelos quais me apaixonei perdidamente. Sempre foram homens com os quais eu tive que permitir que eles me amassem para então, pensar se valia a pena amar de volta.

Nenhum de meus amores - nem mesmo o último - vingaram quando partiram exclusivamente de mim. Talvez eu não tenha nascido pra amar de graça, mas pra ser amada. Não é que este último não gostasse de mim, talvez até gostasse - goste - demais.  é que os impecilhos pro romance eram tão grandes, que ele ficou com preguiça de pular o muro, e eu fiquei cansada de ficar com a mão esticada esperando ele atravessar pro lado do meu coração. Com ele imaginei coisas magníficas e intensas, amor dolorido, muitas cores e no fim, nós na cena das flores de Peixe Grande: Eu te amo. Etc. Não deu. Não vai dar. A cena final de Closer é o fim do nosso amor, eu acho. Não consigo tirar os olhos de você, mas só até achar alguém novo. Ou não.

No momento existe outro (solteira sim, sozinha nunca - dançando o funkzinho estilo Valesquinha na giroflex) e é um outro como sempre: estou animadíssima, ele é uma graça. Não é o verão chegando com seus 35ºC no meu campo de flores tristonho por falta se sol. Mas é um raiozinho de sol no meio das nuvens cinzentas. É sempre ele que me liga quando estou a beira de surtar. Ele não parece gostar de telefone já que não fala nada e mais ri qdo conversamos do que qualquer outra coisa. Aquela chuva no meio da tarde sem grandes expectativas. Talvez seja melhor assim, sem coração saindo pela boca, sem grandes esperanças.

Talvez eu permita.

talvez.

=*



quarta-feira, 15 de setembro de 2010

chovendo

Divagações sobre um mesmo tema. O mesmo tema. Nenhum tema. Só ele, e o chá.
Ou ainda, cartas que nunca lhe entregarei.

Às vezes tudo nele soa tão clichê, as mesmas manias, as mesmas calças, os mesmos sapatos de pontas meio desgastadas, o mesmo tanto de cabelo caindo sobre as orelhas. Certas coisas não são importantes, desde que a nuvem de chuva que costuma me acompanhar em certos períodos, simplesmente se esvai quando ele pisa no mesmo local onde estou.  O verão na sala alagada.

Sinto falta das manhãs geladas, do modo horroroso como toma café, de como quase quebrava minhas costelas, dos dois dedos tocando meu tornozelo quando me sentava por perto. Das unhas excessivamente roídas, da gola da camisa desbeiçada de tanto usar.

Sinto mais falta dos enormes cílios retos, desviando dos meus olhos (que teimam em brilhar toda vez que te vejo) e do "não" dizendo, quase gritando "sim, sim, sim!". Adoro tudo que o cerca, o cordão em volta do pescoço encharcado de tanto roer - ah a ansiedade - os meus braços curtos tentando alcançar seu pescoço enquanto dirige. Adoro tudo em você, que dói.

Sinto falta do seu olhar direcionado diretamente pra mim, do beijo no meu cabelo, e de você sendo idiota e me esperando na porta do banheiro, tipo hahhaahha, ai ai ai amador.

Chove, em setembro.


sábado, 11 de setembro de 2010

esmaltólatra

Prometo começar a postar fotos das minhas unhas não roídas a partir da semana que vem.
To colecionando esmaltes, então se alguém quiser me dar um de presente pode mandar!

Minhas impressões sobre esmaltes:

1) IMPALA

De longe, o melhor, pelo menos na minha mão. Seca em dois toques e NÃO SAI. Não descasca. Essa semana estou usando um da coleção nova chamado Saia Justa, achei lindo, um vermelho meio rosa meio laranja, não sei explicar. Já é a terceira semana seguida que estou usando esmaltes da marca e até pra tirar com acetona é uma dificuldade.

2) RISQUÉ

Dependendo do esmalte, logo descasca. Os da coleção Penélope Charmosa são realmente lindos, mas tem um ou outro mais fininho que tem que passar três camadas, senão fica manchado. Mas a Risqué sempre tem azra comigo, de vez enquando fico com medinho de passar e descascar em 2 dias. Mas as cores são lindas =~

3) COLORAMA

A marca que mais me irrita. Tudo mancha, tem que passar mil camadas e aquele camada única é a maior balela que já existiu. Talvez eu seja só azarada. O roxinho extra brilho deles é o melhor, sério mesmo, gosto muito, rende muito e nunca acaba.

4) AVON

Usei só um cintilante por enquanto, achei médio, acho que falta cartela de cores. Qualidade mais ou menos.

Preciso testar novas marcas hahha to muito comum.

Bjos e bom sábado
e-mail:denovodezoito@hotmail.com
 

Blog Template by YummyLolly.com